A IMPORTÂNCIA DOS CUIDADOS PALIATIVOS COM PACIENTES ONCOLÓGICOS EM TEMPOS DE PANDEMIA DE COVID-19 | de Sá | Psicologias em Movimento

A IMPORTÂNCIA DOS CUIDADOS PALIATIVOS COM PACIENTES ONCOLÓGICOS EM TEMPOS DE PANDEMIA DE COVID-19

Brendha Costa de Sá, Gleiton Nunes de Azevedo, Alexandre Castelo Branco Herênio

Resumo


Os cuidados paliativos são assistência realizada por uma equipe multidisciplinar, que consiste na proposta de melhorar a qualidade de vida do paciente e de seu familiar diante de uma doença que oferece risco à vida. O tema possibilita discussões acerca dos modelos de assistências designados para pacientes que possuem diagnóstico de câncer e lidam com o luto antecipatório, por uma doença que não reage mais aos tratamentos farmacológicos tradicionais, além de avaliar chances de negligência dos cuidados paliativos no cenário de pandemia pela Covid-19. A experiência do luto é subjetiva, dinâmica e singular, que não possui uma ordem definida ou um processo linear. Diante disso, o objetivo deste estudo é analisar o impacto do cenário de pandemia na continuidade dos cuidados paliativos em pacientes oncológicos. Este trabalho é uma revisão de literatura, realizada através de artigos em bibliotecas eletrônicas (Scielo, Pepsic, Google Acadêmico), notícias, livros e sites como o Instituto Nacional de Câncer (INCA) e a Organização Mundial da Saúde (OMS). Conclui-se que até o momento da confecção deste trabalho, não se encontravam disponíveis estudos que afirmam a redução da adesão dos pacientes ao tratamento oncológico. Palavras-chave: Cuidados Paliativos. Oncologia. Pandemia. Luto. Covid 19.

Texto completo:

PDF

Referências


AMORIM, Welma Wildes; OLIVEIRA, Márcio Galvão. Cuidados no final da vida. Saúde Coletiva, v. 7, n. 43, p. 198, 2010. Disponível em:

https://www.redalyc.org/pdf/842/84215109002.pdf. Acesso em: 23 mar. 2021.

ARAÚJO, Monica Martins Trovo de; SILVA, Maria Júlia Paes da. O conhecimento de estratégias de comunicação no atendimento à dimensão emocional em cuidados paliativos. Texto Contexto Enfermagem, v. 21, n., 1, p. 121-129, 2012. Disponível em: . Acesso em

abr. 2021.

ARAUJO, Sérgio Eduardo Alonso et al. Impacto da COVID-19 sobre o

atendimento de pacientes oncológicos: experiência de um centro oncológico localizado em um epicentro Latino-Americano da pandemia. Einstein (São Paulo), n. 19, p. 1-8, 2021. Disponível em:

&lng=en&nrm=iso>. Acesso em 29 Apr. 2021.

BRANDES, Alba A; NUNNO, Vincenzo Di. How to face cancer treatment in the COVID-19 era. Expert Review of Anticancer Therapy, v. 20, n. 6, p. 429-432, 2020. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/32370563/. Acesso em: 18

nov 2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Instituto Nacional de Câncer. Cuidados paliativos oncológicos: controle da dor. - Rio de Janeiro: INCA, 2002.

BRASIL. Ministério da Saúde. Instituto Nacional do Câncer. ABC do câncer: abordagens básicas para o controle do câncer. 2. ed. Rio de Janeiro: INCA, 2012.

BRAZ, Mariana Sarkis; FRANCO, Maria Helena Pereira. Profissionais paliativistas e suas contribuições na prevenção de luto complicado. Psicologia: Ciência e Profissão, v. 37, p. 90-105, 2017. Disponível em:

https://www.scielo.br/j/pcp/a/ksrv46KYyjzK4xtYN4cp5Fk/abstract/?lang=pt. Acesso em: 19 nov 2021.

CARDOSO, E. A. O.; SANTOS M. A. Luto antecipatório em pacientes com indicação para o Transplante de Células-Tronco Hematopoéticas. Ciência & Saúde Coletiva, v. 18, n. 1, p. 2567-2575, 2013. Disponível em: https://www.scielo.br/j/csc/a/3kysPKtP97QCLSp7vGgzzMQ/abstract/?lang=pt. Acesso em: 19 nov 2021.

CARVALHO, Ricardo Tavares de; PARSONS, Henrique Afonseca. Manual de cuidados paliativos. Academia Nacional de Cuidados Paliativos (ANCP), p. 118-338, 2012.

CIRILO, S. S. V. et al. Necessidade de Assistência Psicossocial em Tempos de Pandemia Causada pelo Novo Coronavírus: um Olhar Atento aos Pacientes Oncológicos e aos Profissionais da Área da Oncologia. Revista Brasileira de Cancerologia, v. 66, n. TemaAtual, p. 1-4, e, 2020. Disponível em: https://rbc.inca.gov.br/revista/index.php/revista/article/view/1071/661. Acesso em: 19 nov 2021.

COVID: estudos analisam sequelas duradouras de pacientes com sintomas leves.

UOL, 05 jan. 2021. Disponível em:

. Acesso em: 10 nov. 2021.

FERNANDES, Maria Andréa et al. Cuidados paliativos e luto: um estudo bibliométrico. Escola Anna Nery, v. 20, n. 4, 2016. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ean/a/dJ39JJfPjzpmJfjFZXd7Lzb/abstract/?lang=pt#:~:text= RESUMO-,RESUMO,%2C%20PubMed%2C%20SciELO%20e%20DOAJ. Acesso em: 19 nov 2021.

FLORENCIO, Raquel Sampaio et al. Cuidados paliativos no contexto da

pandemia de COVID-19: desafios e contribuições. Acta Paul Enferm, v. 33, 2020. Disponível em: . Acesso em: 19 Mar. 2021.

FRANÇA, Jael Rúbia Figueiredo de Sá et al. Importancia de la comunicación en los care paliativos en oncología pediátrica: un enfoque en la Teoría Humanística de Enfermería. Revista Latino-Americana de Enfermagem, v. 21, n.3, p. 780- 786, 2013. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rlae/a/NZ6RHrSSqz3vLskWhYMSBPB/?lang=es. Acesso

em: 19 nov 2021.

FRANCO, Maria Helena Pereira. O luto no século 21: uma compreensão abrangente do fenômeno. 1° Ed. São Paulo: Editora Summus, 2021. p. 10.

GOMES, R. Ventilação, máscara, distanciamento e higiene das mãos: OMS atualiza protocolo contra a covid-19. Rede Brasil Atual, São Paulo, 06 mai. 2021. Disponível em: https://www.redebrasilatual.com.br/saude-eciencia/2021/05/ventilacao-mascara-distanciamento-e-higiene-das-maos-omsatualiza-protocolo-contra-a-covid-19/. Acesso em: 20 mai, 2021.

HERMES, Hélida Ribeiro; LAMARCA, Isabel Cristina Arruda. Cuidados paliativos: uma abordagem a partir das categorias profissionais de saúde. Ciênc. saúde coletiva, v. 19, n. 9, p. 2577-2588, 2013. Disponível em: . Acesso em 12 fev. 2021.

HOSHINO, Katsumasa. A perspectiva biológica do luto. In: GUILHARDI, Helio José; AGUIRRE, Noreen Campbell de. (Org.). Sobre comportamento e cognição: Vol. 17. Expondo a variabilidade. Santo André, p. 313-326.

INCA. 2020. O que é câncer? Ministério da Saúde. Disponível em:

https://www.inca.gov.br/o-que-e-cancer. Acesso em: 09 Ago. 2021. BRASIL.

KÜBLER-ROSS, Elisabeth. Sobre a Morte e o Morrer. 4. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1969.

LIMA, C. M. A. O. Informações sobre o novo coronavírus. Radiol Bras, v. 53, n. 2, p. 5-6, mar/abr. 2020. Disponível em:

https://www.scielo.br/j/rb/a/MsJJz6qXfjjpkXg6qVj4Hfj/ format=pdf〈=pt. Acesso em: 19 nov 2021.

OLIVEIRA, D. R. Terapia do Luto: contribuições e reflexões sob a perspectiva da Análise do Comportamento. 44f. Monografia (Especialização em Terapia comportamental: teoria e prática) – Hospital Universitário da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: https://www.academia.edu/7455245/Terapia_do_Luto_contribui%C3%A7%C3%B 5es_e_reflex%C3%B5es_sob_a_perspectiva_da_An%C3%A1lise_do_Comporta mento. Acesso em: 19 nov 2021.

PARKES, Colin Murray. Luto: Estudo sobre a perda na vida adulta. São Paulo: Summus Editorial, 1998. p. 23-24.

PIRES, L; et al.. O mapa do coronavírus: como aumentam os casos dia a dia no Brasil e no mundo. El País, Brasil, 16 mar. 2021. Disponível em: https://brasil.elpais.com/brasil/2020/03/12/ciencia/1584026924_318538.html. Acesso em: 03 mar, 2021.

RODRIGUES, Nicole Hertzog; SILVA, Luana Gabriela Alves da. Gestão da pandemia Coronavírus em um hospital: relato de experiência profissional. Disponível em: https://docs.bvsalud.org/biblioref/2020/05/1095608/2-gestao-dapandemia-coronavirus-em-um-hospital-relato-de-expe_r8ZHcz8.pdf. Acesso em: 04 mai. 2021.

RODRIGUEZ, Maria Inêz Fernandez. Um olhar para a despedida: um estudo do luto antecipatório e sua implicação no luto pós-morte. 92 f. Dissertação de Mestrado (Mestrado em Psicologia Clínica) - Pontifícia Universidade Católica, São Paulo, 2014.

SAMPAIO, Simone Garruth dos Santos; DIAS, Andrea Marins; FREITAS, Renata. Orientações do Serviço Médico de uma Unidade de Referência em Cuidados Paliativos Oncológicos frente à Pandemia de Covid-19. Revista Brasileira de Cancerologia, jun. 2020. Disponível em. Acesso em: 09 mar. 2021.

SILVA, Ednamare Pereira da; SUDIGURSKY, Dora. Concepções sobre cuidados paliativos: revisão da literatura. Acta Paulista de Enfermagem , v. 21, p. 504- 508, 2008. Disponível em:

https://www.scielo.br/j/ape/a/stc93mrQ9mGyH5J68hkfDCm/?lang=pt. Acesso em: 19 nov 2021.

SILVA, Rafaella Brito e; BOAVENTURA, Carolina Brum Faria. Psico-oncologia e Gestalt-terapia: uma comunicação possível e necessária. Rev. abordagem gestalt. Disponível em

&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 22 fev. 2021.

SOUZA, Jucileia Rezende; SEIDL Eliane Maria Fleuty. Distress e enfrentamento: da teoria à prática em psico-oncologia. Brasília méd, v. 50, n. 3, p. 23-26, 2014. Disponível em:

https://www.researchgate.net/publication/270527856_Distress_e_enfrentamento_ da_teoria_a_pratica_em#fullTextFileContent. Acesso em: 18 mar. 2021.

VIEGAS, Aline da Costa et al. Cuidado paliativo de pacientes com condições crônicas durante a pandemia Coronavírus 2019. Journal of Nursing and Health, v. 10, n. 4, 2020. Disponível em:

https://www.researchgate.net/publication/343856423_Cuidado_paliativo_domiciliar _de_pacientes_com_condicoes_cronicas_durante_a_pandemia_Coronavirus_201 9_Home_palliative_care_of_patients_with_chronic_conditions_during_the_Corona virus_2019_pandemic. Acesso em: 19 nov 2021.

WORDEN, J. William. Aconselhamento do Luto e Terapia do luto: um manual

para profissionais da saúde mental. 4. ed. São Paulo: Roca, 2013. p. 5-14.

WORLD HEALTH ORGANIZATION. National cancer control programmes: policies and managerial guidelines. 2. ed. OMS: Geneva, 2002.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.