PESQUISA NO ENSINO FUNDAMENTAL: princípio para a (re)construção do conhecimento

Renata Morais Porto Freitas

Resumo


RESUMO: O presente estudo tem como objetivo refletir sobre a temática da pesquisa enquanto princípio educativo, para a atuação do educador e a formação do educando do Ensino Fundamental. Para Demo, educar pela pesquisa instiga autonomia e isso é um fator decisivo para se ter uma população que saiba pensar, no sentido de refletir e intervir nos problemas sociais. A mistificação que cerca o conceito de pesquisa contribui para a fragmentação do processo de ensino aprendizagem, sustentando a alienação, que reduz as possibilidades de desenvolvimento e humanização, e separa o pensar do agir. Por isso, há necessidade de desmistificar e introduzir a pesquisa como princípio educativo desde os anos iniciais da educação básica. Neste sentido, prevalece a metodologia do aprender a aprender, fortalecendo a investigação como descoberta, criação e diálogo, num contexto baseado na autonomia do aluno. Assim, surge o interesse em buscar alternativas para compreender o desafio da educação de qualidade. Com o objetivo de refletir sobre essas inquietações, foi realizada a pesquisa bibliográfica e teve como foco a análise das ideias dos seguintes teóricos: Aranha (2006); Bagno (2003); Demo (2003, 2004, 2011); Freire (1996), Gadotti (1998, 2003); Libâneo (2004), Saviani (2010).
PALAVRAS-CHAVE: Educar pela Pesquisa. Ensino Fundamental. Autonomia.


Texto completo:

PDF

Referências


ARANHA, Maria Lúcia de Arruda. Filosofia da Educação. 3. ed. São Paulo: Moderna, 2006.

BAGNO, Marcos. Pesquisa na Escola: o que é? Como se faz? 14. ed. São Paulo: Loyola, 2003.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais. Brasília, DF: MEC/SEF, 1997. Disponível em: . Acesso em: 02 jun. 2017.

______. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Disponível em: . Acesso em: 02 jun. 2017.

DEMO, Pedro. Pesquisa: princípio científico e educativo. 14. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

______. Desafios Modernos da Educação. 13. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2004.

______. Professor do futuro e reconstrução do conhecimento. Petrópolis, RJ: Vozes, 2004.

______. Educar pela pesquisa. 6. ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2003.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

GADOTTI, Moacir. História das Ideias Pedagógicas. 2003. Disponível em: . Acesso em: 20 fev. 2017.

______. Pedagogia da práxis. 2. ed. São Paulo: Cortez, 1998.

LIBÂNEO, José Carlos. Organização e Gestão da Escola: Teoria e Prática. 5. ed. Goiânia: Alternativa, 2004.

SAVIANI, Dermeval. Equilíbrio entre a pedagogia tradicional e a pedagogia nova (1932-1947) In: História das Ideias Pedagógicas no Brasil. 3. ed. Campinas: Autores Associados, 2010. p. 195-275.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.