IMPLICAÇÕES DO PROCESSO DE MODERNIZAÇÃO NA ESTRUTURA E NAS ATIVIDADES AGROPECUÁRIAS DA REGIÃO CENTRO-SUL DO ESTADO DE GOIÁS

Murilo José de Souza Pires

Resumo


A finalidade desta investigação é compreender as implicações do processo de modernização na estrutura e nas atividades agropecuárias da região centro-sul do estado de Goiás a partir da década de 70 do século xx. Para tanto, a proposição defendida no trabalho é que o novo padrão agrícola instituído no estado de Goiás se objetivou de forma heterogênea no território e estimulou o desenvolvimento de culturas com fortes ligações ao mercado externo e com os setores dinâmicos da agroindústria nacional. Para a realização do objetivo proposto utilizaram-se os recursos técnicos da pesquisa bibliográfica e documental e adotou-se o método analítico descritivo. Os resultados encontrados demonstram que o processo de modernização na estrutura agropecuária favoreceu o incremento da produção e produtividade de culturas como a soja e cana-de-açúcar, que apresentam forte ligação com os mercados internacionais de commodities, como também com as cadeias produtivas agroindustriais nacionais. Entretanto, em nível espacial estas culturas concentraram-se, sobretudo, na região centro-sul do estado, ao passo que culturas como arroz e feijão estão aos poucos migrando para a região centro-norte de Goiás.

Palavras-chave: Modernização Agrícola. Questão Agrícola. Região Centro-Sul de Goiás.

R12 - Size and Spatial Distribution of Regional Economic Activity.


Referências


BANCO CENTRAL DO BRASIL. Circular 259, junho de 1975 (mimeo).

BARBOSA, Hellen Ferreira. Análise do direcionamento dos recursos dos fundos constitucionais – um estudo do FCO, FNO e FNE. Universidade Federal de Uberlândia – UFU, 2005. (Dissertação de Mestrado em Economia).

BORGES, Barsanulfo Gomide. Goiás nos quadros da economia nacional: 1930 – 1960. Goiânia: Ed. da UFG, 2005

CASTRO, Ana Célia; FONSECA, Maria da Graça D. A dinâmica agroindustrial do centro-oeste. Brasília: IPEA, 1995.

DELGADO, Guilherme. Capital financeiro e agricultura no Brasil 1965-1985. São Paulo: Editora Ícone/UNICAMP, 1985.

ESTEVAM, Luís Antônio. Agricultura tradicional em Goiás. In. PEREIRA, Armantino Alves [et. al.]. Agricultura de Goiás: análise & dinâmica. Goiânia. A.A.Pereira, 2004.

ESTEVAM, Luís Antônio. O tempo da transformação: estrutura e dinâmica da formação econômica de Goiás. Goiânia: Ed. do autor, 1998.

FERREIRA, Débora Ferguson; FERNANDES FILHO, José Flores. Análise das transformações recentes na atividade agrícola da região do sudoeste de Goiás. 1970/1995-6. In. PEREIRA, Sebastião Lázaro e XAVIER, Clésio Lourenço (Org.). O agronegócio nas terras de Goiás. Uberlândia: EDUFU, 2003.

FURTADO, Celso. Análise do modelo brasileiro. 5.ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1975.

FURTADO, Celso. Formação econômica do Brasil. 23.ed. São Paulo. Nacional, 1989.

GOVERNO DE GOIAS/Secretaria de Planejamento. Indicadores Econômicos e Estatísticas Básicas. Economia & Desenvolvimento. Ano VIII, número 25, janeiro/março de 2007.

SILVA, José G. da A nova dinâmica da agricultura brasileira. Campinas: UNICAMP/IE., 1996.

SILVA, José G. da O que é a questão agrária. 3ª reimpressão. São Paulo: Brasiliense, 1998.

SILVA, José G. da Progresso técnico e relações de trabalho na agricultura. São Paulo: HUCITEC, 1981.

SILVA, José G. da Tecnologia e agricultura familiar. Porto Alegre: Ed. UFRGS, 1999.

GUIMARAES, Alberto Passos. O complexo agroindustrial. Revista Reforma Agrária, n. 6, Ano VII – Nov./Dez., 1977.

LUNAS, Divina A. L. e ORTEGA, Antônio César. A constituição do complexo agroindustrial da soja no sudoeste goiano. In. PEREIRA, Sebastião Lázaro e XAVIER, Clésio Lourenço (Org.). O agronegócio nas terras de Goiás. Uberlândia: EDUFU, 2003.

MATTEI, Lauro. A evolução do emprego agrícola no Brasil. São Paulo: Associação Brasileira de Estudos do Trabalho – ABET, 1998. (Coleção ABET – Mercado de Trabalho, vol. 4).

MINSTÉRIO DA INTEGRAÇAO NACIONAL/FCO. Fundo constitucional de financiamento do centro-oeste. 2006 (mimeo)

MUELLER, Charles Curt. Políticas governamentais e a expansão recente da agropecuária no centro-oeste. Revista de Planejamento e Políticas Públicas, n.º. 3, junho de 1990.

PIRES, Murilo José de Souza. A Oleaginosa dourada invade as terras goyases. Revista Conjuntura Econômica Goiana. Goiânia: Secretaria do Planejamento e Desenvolvimento, n.º 8, maio de 2006.

PIRES, Murilo José de Souza. As implicações do processo de modernização conservadora na estrutura e nas atividades agropecuárias da região centro-sul de Goiás. 2008. Tese (Doutorado em Desenvolvimento Econômico, Espaço e Meio Ambiente) – Instituto de Economia, Universidade Estadual de Campinas, Campinas/SP.

PIRES, Murilo José de Souza. Transportes e Desenvolvimento Agrícola no Centro-Oeste. 2000, 153f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Econômico, Espaço e Meio Ambiente) – Instituto de Economia, Universidade Estadual de Campinas, Campinas/SP.

QUEIRÓZ, Gilberto J. F. O papel do setor público na pesquisa agrícola de Goiás. In. PEREIRA, Sebastião Lázaro e XAVIER, Clésio Lourenço (Org.). O agronegócio nas terras de Goiás. Uberlândia: EDUFU, 2003.

RAMOS, Pedro. Agricultura e (SUB) Desenvolvimento: Aspectos teóricos e elementos para uma reinterpretação do caso brasileiro. Reforma Agrária, ABRA/SP, p. 77 - 96, 12 dez. 1998.

RAMOS, Pedro. Agroindústria Canavieira e Propriedade Fundiária no Brasil. São Paulo/SP: Hucitec, 1999.

RAMOS, Pedro. Questão agrária, salários, política agrícola e modernização da agropecuária brasileira. In: Luiz Octávio Ramos Filho; Osvaldo Aly Júnior. (Org.). Questão Agrária no Brasil: Perspectiva Histórica e Configuração Atual. São Paulo: INCRA, 2005, v. 1, p. 87-128.

RAMOS, Pedro. Referencial teórico e analítico sobre a agropecuária brasileira. In. RAMOS, Pedro [et al.]. Dimensões do agronegócio brasileiro: políticas, instituições e perspectivas. Brasília: MDA, 2007.

SHIKI, Shigeo. Sistema agroalimentar nos cerrados brasileiros: caminhando para o Caos? In: SHIKI, S., SILVA, J. G. da e ORTEGA, A. C. (org.) Agricultura, meio ambiente e sustentabilidade do cerrado brasileiro. Uberlândia: EDUFU, 1997.

SORJ, Bernardo. Estado e classes sociais na agricultura brasileira. 2.ed. Rio de Janeiro: Zahar, 1980.

SZMRECSÁNYI, Tamás e RAMOS, Pedro. O papel das políticas governamentais na modernização da agricultura brasileira. In. SZMRECSÁNYI, Tamás e SUZIGAN, Wilson. História econômica do Brasil contemporâneo. São Paulo: Ed. EDUSP/IOSP/HUCITEC, 2002.

SZMRECSÁNYI, Tamás. O desenvolvimento da produção agropecuária (1930-1970). In. Boris Fausto (org.) O Brasil Republicano: Economia e cultura (1930-1964). 2. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1986. (História Geral da Civilização Brasileira, Tomo III, Volume 4).


Apontamentos

  • Não há apontamentos.